Negócios

Finangeste compra Dolce Vita Miraflores por €4M (atual.)

Ana Tavares |
Finangeste compra Dolce Vita Miraflores por €4M (atual.)

A Finangeste comprou o Dolce Vita Miraflores, em Oeiras, ao Abanca, credor hipotecário do centro comercial, em parceria com um investidor europeu, por 4,1 milhões de euros. A transação foi fechada ainda em 2021.

O Dolce Vita Miraflores conta com uma área bruta locável de 6.000 metros quadrados acima do solo, além de 131 lugares de estacionamento.

A administração da Finangeste traça agora «um significativo plano de investimento visando o reposicionamento deste centro, atualizá-lo e modernizá-lo bem como disponibilizar à comunidade local uma melhorada oferta comercial e em simultâneo tornar mais cómodo o acesso e o usufruto desta propriedade».

Serão também feitas melhorias ao nível da sustentabilidade do imóvel e implantadas medidas de gestão mais eficiente de consumos e aumento da eficiência energética. No total, serão investidos 4 milhões de euros para dar "nova cara" ao centro comercial, conforme avançou a Finangeste à VI.

Neste negócio, a Finangeste contou com o apoio da sociedade de advogados CMS Rui Pena & Arnaut.

De recordar que, na primavera de 2021, o Abanca rejeitou as propostas de compra do DV Miraflores apresentadas pela Atena, de 2,8 milhões de euros, e da White Sand Capital, de 2,4 milhões de euros, abaixo do valor mínimo fixado de 5,3 milhões de euros. O centro comercial muda finalmente de mãos à 4ª tentativa de venda.

Saiba mais sobre este negócio em Iberian Property.