Escritórios

Fundo do BPI compra escritórios nas Amoreiras

Ana Tavares |
Fundo do BPI compra escritórios nas Amoreiras

O Imofomento, fundo de investimento imobiliário do BPI, comprou no final de dezembro o 16º piso da Torre 2 das Amoreiras ao grupo Laje Capital, por cerca de 6,7 milhões de euros, avança o Negócios.

O piso em causa tem uma área de 1.366 metros quadrados e tem atualmente como inquilinos a Laje Capital, a Plen Sociedade de Advogados e o Biz Group.

Também em dezembro, o Imofomento comprou o centro comercial Picoas Plaza, em Lisboa, por 15 milhões de euros, e um edifício de escritórios na Avenida da Boavista, no Porto, por 1,07 milhões de euros. Adquiriu também os direitos sobre um prédio devoluto na rua dos Bacalhoeiros, em Lisboa, por 2 milhões de euros.

Entre as compras mais recentes de 2020 está também a aquisição do aparthotel Aqualuz Suite Hotels, em Lagos, à Sonae Capital, por cerca de 20 milhões de euros.

O grupo Laje Capital soma uma carteira de ativos de 500 milhões de euros, composto por vários imóveis e ativos no setor das energias renováveis. No ano passado, criou a marca Addrezza para o negócio na área do imobiliário, que gere projetos como o Amoreiras Residence, Amoreiras Vista, i53 Carcavelos ou o Sublime Comporta Villas.

Saiba mais sobre este negócio em Iberian Property.