Promoção Imobiliária

Lace vende edifício da rua do Alecrim à Vivium

Ana Tavares |
Lace vende edifício da rua do Alecrim à Vivium

Em representação do fundo Real Added Value PN – FIIF, a Lace Investment Partners vendeu o edifício do nº 53 da rua do Alecrim, em Lisboa, à Vivium Properties, promotora imobiliária que opera em Portugal no segmento residencial de luxo desde 2018.

O imóvel tem fachada para a rua do Alecrim e tardoz para a rua das Flores, com vistas para o rio e para a cidade. Painéis de azulejos pombalinos, caixa de escadas, pisos e tetos trabalhados estão entre os pormenores arquitetónicos que o novo proprietário se propõe a recuperar, seguindo um projeto de reabilitação do atelier Fragmentos.

Com esta aquisição, a carteira de investimentos da Vivium Properties passa a totalizar os 30 milhões de euros. Rami Moughabghab, Managing Director da Vivium Properties, destaca que «o ativo enquadra-se perfeitamente no portefólio de projetos residenciais de luxo da Vivium, pelo que a sua aquisição foi evidente. O facto desta transação ter sido executada no período pandémico que vivemos reforça a crença da Vivium na resiliência e capacidade de criação de valor do mercado imobiliário português a longo-prazo».

A CBRE atuou neste negócio em representação da Lace Investment Partners. Segundo a consultora, o projeto de arquitetura foi inicialmente submetido à apreciação da Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) em maio de 2018, tendo posteriormente sido submetido na Câmara Municipal de Lisboa em janeiro de 2019 e obtido deferimento total em dezembro do mesmo ano. O facto de ter sido vendido devoluto e com licença de construção a pagamento foi «a chave para o sucesso desta operação, contribuindo para o interesse de diversos investidores».

Miguel Gonçalves Ferreira, responsável da área de Development Properties da CBRE, sublinha que o sucesso desta transação esteve ligado ao facto de o edifício ter sido vendido enquanto um projeto finalista, ou seja, pronto a iniciar a construção e vendas: «é notório que os prazos de licenciamento são cada vez mais alargados, pelo que estamos certos de que o investimento em licenciamento por parte dos proprietários/vendedores é não só um garante de valor, mas também de liquidez dos projetos de reabilitação urbana. A enorme resiliência do mercado imobiliário e esta transação são a prova disso. A cadeia de valor do mercado está em pleno funcionamento com todos os stakeholders a operar, apesar das adversidades que vivemos».

Saiba mais sobre este negócio em Iberian Property.