Mediação Imobiliária

Century 21 comercializa Lisbon Green Valley

Ana Tavares |
Century 21 comercializa Lisbon Green Valley

O Lisbon Green Valley, a mais recente fase de desenvolvimento do Belas Clube de Campo, faz agora parte da carteira de empreendimentos especiais da Century 21 Portugal, que tem um plano estratégico para a comercialização de várias soluções residenciais na rede imobiliária.

O Belas Clube de Campo alia várias soluções residenciais a um conjunto de serviços e infraestruturas com o foco na sustentabilidade e na qualidade de vida. Caracterizando-se pela sua arquitetura moderna e sofisticada, o Lisbon Green Valley disponibiliza diferentes soluções de acordo com as necessidades das famílias, entre apartamentos, townhouses ou lotes para construção de moradias familiares.

Bruno Martins, Diretor de Vendas Belas Clube de Campo/Lisbon Green Valley, comenta em comunicado que «a qualidade da arquitetura e toda a envolvência fazem deste empreendimento um local único. Este é um espaço que assegura e preserva o que é mais valorizado pelas famílias – conforto, segurança e tranquilidade - tudo isto em pleno contato com a natureza e a escassos minutos do centro de Lisboa, com todos os serviços e comodidades essenciais ao dia-a-dia. Hoje mais do que nunca, o Belas Clube de Campo é sinónimo de qualidade de vida».

Por seu turno, Ricardo Sousa, CEO da Century 21 Portugal, comenta: «estamos muito entusiasmados com a parceria estabelecida para a comercialização do Lisbon Green Valley. Este empreendimento é o exemplo de uma das melhores soluções habitacionais familiares, em Portugal. A integração de soluções inovadoras de sustentabilidade ambiental faz do Belas Clube de Campo uma referência incontornável e um case-study do imobiliário residencial. As sinergias que a Century 21 Portugal pode criar para a comercialização deste conceito de habitação, através da sua rede nacional e internacional, são um fator determinante para o sucesso deste projeto, no qual estamos totalmente empenhados».

Os apartamentos oferecem tipologias T1 a T3, incluindo amplas varandas, boas áreas e acabamentos de qualidade. Os apartamentos de piso térreo podem incluir jardim com piscina privativa. Os preços começam nos 390.000 euros.

Já as townhouses T3+1, também focadas no contacto com o exterior, têm jardim e piscina privativa, e estão disponíveis a partir dos 1,2 milhões de euros.

Os lotes de terreno estão já totalmente infraestruturados e permitem a possibilidade de fazer o projeto à medida, com um arquiteto à escolha, seguindo o regulamento do empreendimento da Planbelas. Os lotes têm áreas entre os 600 e os 1.200 m², e os valores variam entre os 315.000 e os 400.000 euros.

Entre os serviços e infraestruturas que o Belas Clube de Campo oferece, destaque para a vigilância 24h por dia, o Jardim-Escola João de Deus de Belas, health club, spa, golfe, ténis, padel, minimercado, farmácia, cabeleireiro, lavandaria, parques infantis ou ciclovias, entre outros.

De recordar que o Belas Clube de Campo foi a primeira comunidade residencial a fazer o cálculo da pegada carbónica, atingindo o Nearly Zero Energy Buildings (NZEB), antecipando-se assim ao que vai passar a ser obrigatório na Europa a partir de 2021 para todos os edifícios novos. As townhouses do Lisbon Green Valley foram consideradas as casas mais sustentáveis de Portugal, foi a primeira entidade a ser distinguida pela ADENE, com o AQUA+ -, o novo índice de desempenho hídrico dos edifícios, foi certificado pelo Sistema LiderA com a inovadora norma de resiliência às alterações climáticas e, em parceria com a EDP, lançou o primeiro “Bairro Solar“, Comunidade de Autoconsumo Coletivo de Energias Renováveis” (CACER) de Portugal, com o objetivo de promover a produção de energia a partir do sol e, por isso, 100% renovável, e o seu autoconsumo.