Turismo

Antigo Posto Fiscal de Vilamoura transforma-se em “Vila Náutica”

Ana Tavares |
Antigo Posto Fiscal de Vilamoura transforma-se em “Vila Náutica”

O antigo Posto Fiscal de Vilamoura será transformado numa nova “Vila Náutica”, no âmbito do programa do Estado Revive Natureza, que promove a atribuição de direitos sobre os imóveis a entidades públicas ou privadas, com vista a beneficiar as comunidades locais, a atrair novos visitantes e a fixar novos residentes.

Segundo o Sul Informação, este concurso recebeu um total de 19 propostas. A que teve melhor classificação foi a apresentada pela Flow Away S.A., que se propõe a criar 16 novos postos de trabalho, através da criação de um novo conceito de “Vila Náutica”.

Aqui deverá surgir «um complexo turístico único e multifuncional ligado à gastronomia regional, aos desportos náuticos, com um anfiteatro dedicado a promover atividades e debates relacionados com estas e outras valências, capaz de atrair clientes locais, turistas nacionais e internacionais, pela exclusividade de serviços e experiências oferecidas, bem como por toda a dinâmica projetada», explica o gabinete do ministro de Estado, da Economia e Transição Digital em declarações à mesma fonte. Neste momento, esclarece a tutela, «a adjudicação do imóvel encontra-se condicionada à aprovação da fase de habilitação».

O valor do investimento não foi divulgado, já que não é exigido na fase de apresentação da proposta. Será «apresentado em fase subsequente, nomeadamente após a aprovação do projeto pela respetiva Câmara Municipal».

Até agora, o Fundo Revive Natureza adjudicou 12 imóveis do Estado a entidades privadas.

O Fundo Revive Natureza é gerido pela Turismo Fundos e participado pelo Estado Português, pelo Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas e pelo Turismo de Portugal.